Inscrição
Você adicionou a sua lista de inscrição.
Acrescentar outra inscrição! Prosseguir a inscrição!
X

Contato:

Aguarde, enviando contato!

Espaço Konsenti - Clínica de Psicologia, Psiquiatria e Coaching

Rua Alberto Folloni, 1088 | Curitiba | +55 (41) 3117-4546
☰ MENU

Sobre o Whatsapp e os mal-entendidos cotidianos

Cada vez mais temos vivido em uma era digital. Os relacionamentos interpessoais: profissionais, de amizade e amorosos, utilizam frequentemente subterfúgios virtuais para se estabelecerem.

|| Por Admin Work Control

|| dia

|| em Blog

Sobre o Whatsapp e os mal-entendidos cotidianos

Assim como a internet trouxe uma série de facilidades, também nos deparamos com questões negativas decorrentes desta nova maneira de interagir com o mundo; e um exemplo são os conflitos gerados devido à má interpretação de mensagens em aplicativos de troca de mensagens instantâneas, como o whatsapp.

Mensagens de texto não tem entonação, portanto não é possível apenas ao ler a mensagem, saber exatamente se a pessoa estava brava, triste, feliz, entusiasmada ou exaltada. Então interpretamos a mensagem de acordo com o nosso sentimento no momento, ou de acordo com o que pensaríamos ou estaríamos sentindo caso fôssemos o remetente do texto e a partir disso, ela deixa de ter o mesmo significado do que teve ao ser escrita. Devemos sempre ter em mente que a escrita é derivada da fala e trata-se de uma representação parcial, uma vez que a ênfase dada a algumas palavras pode mudar completamente o sentido de uma frase, portanto nem todo o sentido pretendido da fala pode ser transposto para uma mensagem de texto.

Pare e pense quantos mal-entendidos poderiam ter sido evitados se fizéssemos esta reflexão, ou ainda se tivéssemos conversado pessoalmente ou ao menos feito uma ligação?

Quantas vezes não compreendemos uma resposta monossilábica como um “corte”, ou ficamos nos perguntando por que será que o fulano está bravo comigo e mandou apenas esta mensagem curta? Sendo que ele poderia apenas estar com pressa. Ou ainda após relatar uma conquista pelo Whatsapp, recebemos de volta um: “que legal” e pensamos que a pessoa poderia demonstrar melhor o seu reconhecimento ou estar mais animada. E então acabamos nos magoando por uma situação hipotética, que é resultante da escrita não contemplar todos os signos da fala, principalmente aquelas nuances tão importantes para os relacionamentos humanos.

Muitas vezes pela praticidade, optamos por nos comunicarmos desta maneira. Porém, para evitar situações como as supracitadas, o ideal é que sempre que tenhamos que conversar algo importante com alguém ou especialmente falar sobre como nos sentimos, procuremos fazê-los pessoalmente, afinal, nada substitui a espontaneidade de uma conversa “tête-à-tête”!

Para mais informações, entre em contato conosco ou ligue para (41) 3117- 4546 / (41) 99165-4545 e agende sua consulta com nossos especialistas.

Olá , deixe seu comentário para Sobre o Whatsapp e os mal-entendidos cotidianos

Enviando Comentário Fechar :/